M5917 IPRO

Recomendações de manejo*

  • Evitar áreas com histórico de Macrofomina;
  • Baixa compensação de plantas. Evitar população menor que a recomendada.

* Sempre consulte um engenheiro agrônomo.


Alta performance em diferentes ambientes

Performance comprovada

GELSON CORREA

Palmas, PR

“Planto a M 5917 IPRO há 4 safras, em média 200 ha por safra. O que me chamou atenção na cultivar é o arranque inicial, principalmente nas áreas compactadas pelo gado e a estabilidade produtiva, onde nestas 4 safras obtive uma média de 73 sc/ha.”

Performance comprovada

Agricultor Cidade UF Área (ha) Resultado (sc/ha)
Nicolau Minami Rio Parnaíba MG 30 89ª
Diego Cechele Mormaço RS 17 84
Valdriano Schimit Colla Francisco Beltrão PR 16 83
João Batista Parussolo Mococa SP 32 89
José Donizetti Gomes Casa Branca SP 35 88
Franklin H. Soares Pratápolis MG 80 87

Perfil genético

  • Grupo de Maturação: 5.9
  • Arquitetura de plantas: Ereta
  • Hábito de crescimento : Indeterminado
  • Acamamento: Resistente
  • Engalhamento: Baixo

Ambientes de produção

Exigência em fertilidade

Baixa Média Alta
Macro 1
Macro 2
Macro 3
Macro 4
Macro 5

Tolerância a doenças

  • Podridão Vermelha: Moderadamente Resistente
  • Macrofomina: Moderadamente Resistente
  • Mofo Branco: Moderadamente Suscetível
  • Doença de Final de Ciclo: Moderadamente Suscetível
  • Podridão de Fitóftora: Suscetível
  • Nematoide de Cisto: Suscetível
  • Nematoide de Galha (M. javanica): Suscetível
  • Nematoide de Galha (M. incognita): Suscetível

Época de semeadura e população de plantas
(em plantas por metro com espaçamento de 50cm entre linhas)